AAUM cria Projeto "Pipeta"

O Hospital de Braga recebeu esta sexta-feira, dia 5 de maio, o Projeto “Pipeta”, um projeto inovador idealizado e promovido pelo Departamento Pedagógico e Departamento de Formação e Voluntariado da Associação Académica da Universidade do Minho.

O projeto tem como principal objetivo promover um dinamismo e uma quebra da rotina hospitalar para as crianças internadas no mesmo, apresentando uma vertente atraente da ciência. Assim, com experiências como “pega-monstros”, vulcões e “luvas mágicas”, as crianças poderão experienciar um contacto mais próximo e direto com a ciência, de forma lúdica e divertida. As atividades serão orientadas por 4 alunos de bioquímica que, para além de poderem aplicar os seus conhecimentos, serão responsáveis por cativar os petizes, despertando a sua curiosidade e interesse pela ciência. 

A iniciativa, com uma duração das 15h30 às 16h30m, assumiu o nome de “Pipeta”, de forma a transmitir a delicadeza, rigor e potencial da mesma. De facto, o Projeto “Pipeta”, assume esse nome pois, tal como o material de medição homónimo, lidará com situações delicadas, procurando ser um meio motriz e fomentador de inspiração e criação de novos interesses. Além disso, apesar de ser uma atividade lúdica e realizada de forma informal e jovial, tal como uma pipeta, este projeto prima por ser rigorosamente científico, comportando em si um enorme potencial, não só lúdico como também pedagógico. 

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?