2015-07-24 20:36:52

XV Gala do Desporto da UMinho: Nomeados na categoria de Monitor do Ano

A Gala do Desporto é o culminar de mais uma época desportiva para a AAUMinho que este ano conseguiu arrecadar 116 medalhas (32 de ouro, 43 de prata e 41 bronze) nas provas nacionais da Federação Académica de Desporto Universitário (FADU). Pelo terceiro ano consecutivo, a AAUMinho ultrapassou as 100 medalhas nas competições nacionais da FADU. O mérito e sucesso nacional outorgaram o acesso aos Campeonatos Europeus Universitários, em que a UMinho se faz representar em 10 diferentes eventos, para onde os nossos estudantes, técnicos e dirigentes levam o empenho para novamente nos fazer sonhar com o título de melhor Universidade Europeia em Desporto Universitário, feito já alcançado em 2013. Esta Gala pretende reconhecer assim, todos os envolvidos nos sucessos desta época desportiva, todos os que obtiveram um desempenho de excecional valor no desporto da UMinho, reconhecendo-os publicamente pelos seus feitos desportivos, os quais elevaram o nome de Academia, dentro e fora do país: atletas, dirigentes, técnicos e profissionais. O evento tem ainda como objetivos, promover o desporto e a prática desportiva, mostrando com esta festa do desporto, que a aposta da AAUMinho e da própria Universidade, que há muito assumiram o desporto universitário como elemento fundamental de um modelo de educação integral, é uma aposta ganha. A Gala do Desporto da UMinho é assim um modo de prestigiar o desporto e de motivar os jovens, tanto os que já participam, como uma forma de influenciar todos aqueles que ainda não o fazem. É também uma forma de gratificar todos os que dão tudo de si ao desporto universitário sem receber nada em troca, sendo este um reconhecimento simbólico pelo seu trabalho, pelo seu trajeto e pelas suas vitórias. Para esta Gala estão na corrida 25 personalidades nas cinco categorias, mas apenas cinco galardões serão entregues, resta a incógnita de quem levará este ano o “ceptro” para casa. As categorias a concurso são: Monitor do Ano, Treinador do Ano, Atleta Masculino do Ano, Atleta Feminino do Ano e Atleta Percurso Desportivo. Monitor do Ano Para a categoria de Monitor do Ano estão nomeados: Ivo Pinto (Biologia/Geologia) monitor de KickBoxing. Dirigiu os treinos da modalidade, sagrando-se com a equipa campeão nacional universitário na modalidade, arrecadando na vertente de Light Kick, 4 medalhas de ouro, 6 pratas e 3 bronzes. Na vertente de Low Kick arrecadou 2 ouros, 5 pratas e 4 bronzes. Maria Inês (Línguas e Culturas Orientais), monitora de Xadrez. A monitora e também atleta obteve para a AAUMinho a medalha de prata por equipas, uma medalha de prata, um bronze e dois ouros. Joana Amaral (Engenharia Civil) monitora de Badminton. Nesta época a sua modalidade arrecadou, uma medalha de ouro e um bronze em pares feminino, uma prata em pares mistos e mais uma prata no feminino nos Campeonatos Nacionais Universitários. Paulo Matos (Licenciatura em Gestão), monitor de Escalada. A nível nacional, arrecadou a medalha de ouro coletiva nos Campeonatos Nacionais Universitários, obteve ainda 2 medalhas de prata e 2 de bronze na vertente Dificuldade, um ouro e um bronze na vertente Boulder e um ouro, uma prata e um bronze na vertente Velocidade. João Ferreira (Eng. de Telecomunicações e Informática) monitor de Taekwondo. O candidato ao PODIUM arrecadado nos Campeonatos Nacionais Universitários, nove medalhas de ouro, cinco de prata e seis de bronze. Desde o início da Gala do Desporto na UMinho (2001), apenas no primeiro ano não foi atribuído galardão. Os vencedores desta categoria até à atualidade foram: em 2002 o primeiro galardoado com o título de Monitor do Ano foi Nuno Cunha, monitor de Voleibol (MCC). Em 2003 o vencedor foi Pedro Neiva, monitor de kickboxing (Engenharia Mecânica). No ano de 2004 o premiado foi Elias Bene, monitor de Ténis (Relações Internacionais). Em 2005 quem levou o “ceptro” para casa foi, João Chaves, monitor de Basquetebol (Gestão). Em 2006 o vencedor foi Cláudio Mesquita, monitor de Andebol (Engenharia Civil). Em 2007 o vencedor foi André Moreira, monitor de Judo (Mestrado em Engenharia Eletrónica Industrial). Em 2008 o vencedor foi Hugo Serrão, monitor de Taekwondo (Mestrado em Educação). Em 2009 foi eleita a primeira mulher, Carla Guimarães (Tecnologias e Sistemas de Informação) monitora de Badminton. Em 2010 o eleito foi Pedro Soares (Mestrado em Engenharia Informática), monitor de Escalada. Em 2011 o grande vencedor foi Ivo Carvalhosa (Mestrado em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário) monitor de atletismo e musculação. Em 2012 o eleito foi Bruno Vasconcelos (Doutoramento em Engenharia Biológica) monitor de Surf/Bodyboard. Em 2013 ergueu o PODIUM, Carlos Mendes (Mestrado Engenharia Informática) monitor de Kick Boxing. Em 2014 o vencedor foi José Fernandes (Medicina), monitor de Taekwondo, Em 2015…logo saberemos!!! Para o galardão de monitor do ano, são considerados para a seleção dos cinco nomeados, os seguintes parâmetros: Qualidade do trabalho desenvolvido no ano letivo respetivo; Nível de empenhamento nas tarefas que lhe foram cometidas; Tempo de trabalho afeto à atividade; Percurso Académico no ano letivo. Para este ano as personalidades desportivas em causa não são de fácil escolha, pelo que a comissão da Gala do Desporto terá que pesar bem as qualidades de cada um dos nomeados, mas …certamente ganhará o melhor! Fonte: SASUM

ver notícia

2015-07-24 20:20:57

Futebol nos quartos-de-final e Voleibol na luta pelo 5º lugar!

O Futebol de 11 masculino da AAUM/UMinho atingiu pela primeira vez na sua história os quartos-de-final de um Europeu Universitário, após vencer por 1-0 os franceses da Universidade de Franche-Comte, assegurando desta forma o primeiro lugar do grupo. Sorte diferente teve o Voleibol feminino que foi eliminado nos quartos pela forte equipa russa da Universidade Estatal de Ural. Na última partida do Grupo B, frente aos já apurados franceses de Franche-Comte, a AAUM/UMinho decidia a sua sorte no Campeonato Europeu: vitória e empate davam apuramento para os quartos-de-final, derrota obrigava os minhotos a pegarem na calculadora. Aprendidas as lições com as Seleções Nacionais dos anos 70 e 80, os tugas não quiseram deixar o seu destino nas mãos de terceiros e entraram decididos a vencer e conquistar o primeiro lugar do grupo. Com algumas mudanças táticas efetuadas inicialmente pelo técnico Michael Varela, fruto da “espionagem” francesa durante os dois primeiros jogos do grupo, a equipa encaixou perfeitamente no sistema adversário. “Foi um jogo muito intenso, mas sem grandes oportunidades de golo criadas junto da nossa baliza. Nós ainda enviámos uma bola ao travessão superior dos franceses, mas o golo eventualmente acabou por surgir através de um bom remate de João Ferreira (Estudos Portugueses e Lusófonos) ”, comentou o timoneiro dos minhotos. Para Varela o segredo da vitória esteve na “inteligência tática, no enorme espírito de equipa e na vontade férrea destes rapazes”. Mais ao lado, em Itália, o Voleibol feminino não conseguiu “quebrar” o muro russo. Frente à poderosa equipa da Universidade Estatal de Ural, com uma média de alturas a rondar o 1.90m, as minhotas até entraram bem no jogo, tendo inclusive estado a vencer por 23-21 no primeiro parcial. Incapazes de aproveitar esta vantagem (23-25), as pupilas de Carlos Dias viriam a quebrar mentalmente no segundo set, deixando as suas adversárias fechar a contagem com um atípico 25-9. No terceiro parcial, e já com as cabeças no sítio, as minhotas voltaram a bater-se de igual para igual com as “torres russas”, não conseguindo no entanto evitar a derrota por 25-21, e consequente eliminação por 3-0 nos quartos-de-final. “Contra uma equipa que é quase 20cm mais alta que a nossa em média é difícil quebrar algumas barreiras que essa altura implica. Frente a atletas profissionais, altamente especializadas, conseguimos discutir o resultado do jogo, mas fica uma mágoa de não termos conseguido vencer um set ou passar às meias-finais”, desabafou Carlos Dias no final da partida. O técnico da AAUM/UMinho mostrou-se no entanto muito orgulhoso do desempenho da sua equipa, que segundo ele, “mostrou uma grande atitude competitiva”. Resta agora ao conjunto de Dias a luta pelo 5º lugar, o que representaria a melhor classificação de sempre da academia minhota num Europeu de Voleibol. Fonte: SASUM

2015-07-23 18:32:53

Futebol de 11 da UMinho entra a vencer no Europeu!

Os tricampeões nacionais universitários iniciaram da melhor forma a sua participação no Campeonato Europeu Universitário de Futebol de 11 ao vencer por 2-1 a Universidade de Oslo. Esta prova está a decorrer na Croácia entre os dias 21 e 28 de julho e os minhotos esperam classificar-se entre as oito melhores equipas. A cidade croata de Osijek foi o local escolhido pela EUSA (Associação Europeia de Desporto Universitário) para acolher o 11º Europeu Universitário de Futebol de 11. A AAUM/UMinho, que participa pela quarta vez consecutiva numa prova deste género, “entrou com o pé direito” ao vencer por 2-1 a sua rival norueguesa da Universidade de Oslo. Numa partida em que o conjunto liderado por Michael Varela voltou mais uma vez a mostrar o seu futebol rendilhado, os minhotos foram os primeiros a inaugurar o marcador por intermédio de José Silva (Ciências da Computação). Ainda durante o decorrer da primeira parte a AAUM/UMinho viu o poste devolver-lhe uma bola. No regresso dos balneários a toada de jogo manteve-se e foi com alguma naturalidade que o placar eletrónico voltou a funcionar para os “tugas”. O 2-0 foi conseguido após a marcação de uma grande-penalidade apontada por Pedro Leitão (Sociologia). Já ao cair do pano, e contra a corrente de jogo, os noruegueses marcaram o “golo de honra”, tendo a partida terminado com um 2-1 favorável à AAUM/UMinho. O técnico da AAUM/UMinho, Michael Varela, mostrou-se “muito satisfeito” com o desempenho dos seus atletas, apontando o calor como o fator mais adverso durante o tempo regulamentar: “Foi uma partida em que entrámos muito bem, confiantes e conseguimos impor o nosso sistema de jogo. O calor foi mesmo quem nos causou mais dificuldades”. O próximo adversário dos minhotos são os russos da Universidade Federal de Ural, que perderam por 1-0 frente aos franceses da Universidade de Franche-Comte. Fonte: SASUM

2015-07-23 18:33:10

Gala de Desporto UMinho: Nomeados na categoria de Treinador do Ano

A Gala do Desporto da Universidade do Minho é já no próximo dia 29 de julho. Esta será a 15ª edição do evento, uma cerimónia que pretende homenagear e agradecer a todas as pessoas e entidades que ajudam a tornar o fenómeno do Desporto mais participado e culturalmente mais enraizado na UMinho, mas acima de tudo surge como forma de reconhecimento intra e extra muros pela importância atribuída à prática desportiva e pelos resultados positivos e meritórios alcançados durante esta época de 2014/2015. A UMinho em cooperação com os Serviços de Acção Social e a Associação Académica levam a cabo este evento, celebrando desta forma o sucesso desportivo alcançado pelos seus atletas, treinadores, monitores e dirigentes, agradecendo assim o empenho e trabalho de cada um em prol da Universidade, da sua projecção nacional e internacional através do desporto. Realizando-se desde 2000, a Gala do Desporto 2015 consagrará 238 estudantes da UMinho que conquistaram medalhas nas competições organizadas pela Federação Académica do Desporto Universitário (FADU), o que quer dizer que 1 em cada 75 estudantes da Academia alcançou tal feito, o que é absolutamente notável! Esta Gala servirá também, para homenagear os atletas da UMinho que estiveram a representar Portugal nas Universíadas de Gwangju, onde Rui Bragança, aluno de Medicina e praticante de Taekwondo conquistou uma medalha de prata e onde a Seleção Nacional Universitária de Andebol, na qual estiveram integrados 6 estudantes da UMinho, conquistaram uma inédita Medalha de Ouro. A Gala do Desporto é também uma forma de reconhecimento do papel que o Desporto exerce no desenvolvimento e integração de cada um, no qual a UMinho tem apostado fortemente, criando ao longo dos últimos anos várias infraestruturas desportivas, apoiando a formação desportiva dos estudantes, apoio a clubes e associações, e empenhando-se na realização de eventos desportivos de relevo nacional e internacional. A competição desportiva aliada aos êxitos académicos traduz-se no conceito há muito seguido pela UMinho de educação integral. As categorias a concurso são: Treinador do Ano, Monitor do Ano, Atleta Masculino do Ano, Atleta Feminino do Ano e Atleta Percurso Desportivo. Treinador do Ano Para a categoria de Treinador do Ano estão nomeados este ano: Luís Silva (Futsal) o treinador orientou durante todo o ano os treinos de competição e recreação de futsal, levando a equipa da Associação Académia da Universidade do Minho (AAUM) ao título de Campeã Nacional Universitária da modalidade. A nível internacional apurou a equipa de futsal masculino para o Europeu Universitário a decorrer de 2 a 9 de agosto, em Poznan (Polónia). Michael Ribeiro (Futebol 11 e Futebol 7), o treinador foi Campeão Nacional Universitário ao comando da equipa de Futebol 11, foi ainda Vice-campeão no Campeonato Nacional Universitário de Futebol de Praia Feminino e arrecadou a medalha de bronze no Campeonato Nacional Universitário de Futebol 7 masculino. A nível internacional apurou a equipa para o Europeu Universitário a decorrer de 21 a 28 de julho, em Osijek (Croácia). Hugo Serrão (Taekwondo), o treinador levou a equipa ao título de campeã nacional universitária, arrecadando 20 medalhas para a AAUM (9 de ouro, 5 prata e 6 bronze). A nível internacional apurou a equipa para o Europeu Universitário a decorrer de 10 a 13 de novembro, em Opátia (Croácia). Serrão participou ainda com 7 atletas nas Universiadas de Verão, de 3 a 14 de julho, Gwanju (Coreia do Sul). Jorge Martins (Escalada), o treinador sagrou-se campeão nacional universitário na modalidade, arrecadando ainda 2 medalhas de ouro, 3 medalhas de prata e 4 bronzes, no total de 9 medalhas. A nível internacional apurou a equipa para o Europeu Universitário a decorrer de 5 a 9 de agosto, em Katowice (Polónia). Manuel Gomes (Kick Boxing), o treinador sagrou-se campeão nacional universitário na modalidade, arrecadando na vertente de Light Kick, 4 medalhas de ouro, 6 pratas e 3 bronzes. Na vertente de Low Kick arrecadou 2 ouros, 5 pratas e 4 bronzes. Os vencedores desta categoria até à atualidade foram: em 2002 o primeiro galardoado com o título de Treinador do Ano foi Alberto Abreu, treinador de Andebol. Em 2003 o vencedor foi José Serafim, treinador de Voleibol. No ano de 2004 o premiado foi Abílio Grilo, treinador de Squash. Em 2005 quem levou o “ceptro” para casa foi, Jorge Martins, treinador de Escalada. Em 2006 o vencedor foi Paulo Ferreira, treinador de Atletismo. Em 2007 o vencedor foi Gabriel Oliveira, treinador da equipa de Andebol. Em 2008 o vencedor foi João Lucas, treinador da equipa feminina de Voleibol. Em 2009 quem ergueu o galardão foi Alexandre Oliveira, treinador da equipa feminina de Basquetebol. Em 2010 Pedro Palas conseguiu o “ceptro” depois de ter levado a equipa de futsal masculino ao título de campeões nacionais, após tantos anos sem o conquistar. Em 2011 o grande vencedor Hugo Serrão treinador de taekwondo foi o escolhido. Em 2012 ganhou o PODIUM, João Chaves (Basquetebol). Em 2013, o grande vencedor foi Michael Ribeiro (Futebol, Futebol 11, Futvolei). Em 2014, João Chaves (Basquetebol) arrecadou o título. Em 2015 e com uma linha de candidatos com ótimos predicados, a incógnita manter-se-á até ao derradeiro momento. Para o galardão de Treinador do ano da Universidade do Minho, são considerados para a seleção dos 5 nomeados, os seguintes parâmetros: Currículo Desportivo no ano letivo respetivo; Participação em competições e atividade interna; Participações Internacionais Universitárias. Fonte: SASUM

2015-07-23 18:06:49

Concurso Momentum - Start Up Lisboa

Se acabaste a faculdade e queres lançar o teu próprio negócio, mas não podes viver da mesada dos teus pais, a Startup Lisboa acabou de lançar algo para ti: um programa de bolsas que te dá espaço de incubação para desenvolveres a tua ideia, alojamento em Lisboa e ainda 500 euros por mês. Ou seja, com esta bolsa, podes dedicar-te durante um ano à tua start-up a tempo inteiro, sem te preocupar com dinheiro ao fim do mês. O programa de bolsas intitula-se Startup Lisboa Momentum. Destina-se a licenciados e finalistas, de nacionalidade portuguesa, que tenham uma ideia de negócio e espírito empreendedor, mas não possuam meios financeiros para poder dedicar-se a tempo inteiro à criação da sua start-up. Os candidatos deverão ter concluído, ou estar em vias de concluir, a licenciatura no último ano lectivo numa universidade ou instituto politécnico portugueses, e ter sido abrangidos no presente ano, ou nos três anos anteriores, por apoio social. Em cada ano será atribuída uma bolsa Startup Lisboa Momentum a 3 recém-licenciados, ou pré-licenciados, cujas ideias de negócio tenham potencial de inovação e crescimento. A bolsa, com duração de 12 meses, inclui espaço de incubação gratuita na Startup Lisboa, alojamento e pocket money (500 euros mensais) para que os bolseiros selecionados possam nesse período testar e validar a sua ideia, construir equipa e usufruir da partilha de conhecimento e experiência da comunidade empreendedora sediada na Startup Lisboa, bem como de todas as actividades, parcerias e benefícios da incubadora. Se estás interessado no programa de bolsas Startup Lisboa Momentum, consulta o regulamento (http://startuplisboa.com/momentum/) e, caso preenchas todos os requisitos, submete a tua ideia de negócio através do formulário disponível na página http://startuplisboa.com/momentum/, que depois de preenchido deverás enviar para: geral@startuplisboa.com. As candidaturas decorrem de 6 a 31 de Julho.

2015-07-22 20:05:55

Voleibol da AAUM/UMinho termina fase de grupos só com vitórias!

A equipa feminina de voleibol da AAUM/UMinho somou a segunda vitória da fase de grupos, vencendo por 3-0 (25-23; 25-16 e 25-20) a equipa suíça da Universidade de St. Gallen. As minhotas terminam assim esta fase apenas com vitórias, sem qualquer set sofrido e evitando o cruzamento com uma das mais fortes candidatas ao título europeu, a Universidade de Bacau (Roménia). Após uma estreia auspiciosa, a equipa de Carlos Dias prossegue o seu trajeto vitorioso no Europeu Universitário de Voleibol que está a decorrer em Camerino, Itália. Frente à equipa da Universidade de St. Gallen, nem tudo foram facilidades, sobretudo no primeiro parcial, como o afirma o técnico da AAUMinho: “Apesar de com esta vitória termos atingido o objetivo de passar em 1º lugar do grupo, evitando assim o cruzamento nos quartos-de-final com a equipa da Roménia que é uma das fortes candidatas ao título, o primeiro set foi bem difícil”. Com muitos erros cometidos no serviço, as minhotas estiveram quase sempre em desvantagem e só na reta final é que conseguiram dar a volta ao resultado, tendo este parcial sido fechado com um equilibradíssimo 25-23. Nos seguintes sets, já com o serviço afinado e com a defesa e o bloco a mostrarem serviço, tudo ficou mais fácil. Outra nota de destaque vai para “a atitude e comportamento competitivo da equipa”, referiu Carlos Dias, que foram cruciais para que estes parciais fossem fechados com alguma tranquilidade (25-16 e 25-20). A capitã da AAUMinho, Sara Barata, também ela fez questão de referir que o serviço teve um importante desfecho no resultado final: “Foi um jogo equilibrado, apesar de o nosso serviço ter estado instável inicialmente, foi graças a ele que no final conseguimos assegurar o triunfo. A equipa esteve bem, foi forte, soube gerir o esforço e a vantagem. Agora, nos quartos-de-final, vamos continuar a dar o nosso melhor e esperar alcançar o melhor resultado possível!” Nos quartos-de-final as minhotas vão ter pela frente, ou as russas da Universidade de Tambov, ou as holandesas da Universidade de Groningen. Fonte: SASUM Fotografia: Francisco Pereira

2015-07-21 22:10:10

Voleibol feminino da UMinho entra a vencer no Europeu!

As campeãs nacionais mostraram estar num bom momento de forma e venceram por 3-0 (25-16 / 25-10 / 25-15) a sua rival norueguesa de Bergen! Com este resultado, e visto as minhotas estarem num grupo de apenas três equipas, o apuramento para os quartos-de-final está garantido! A equipa feminina de voleibol da AAUMinho está de regresso a Camerino (Itália), cidade que em 2008 acolheu a organização do então 8º Campeonato Europeu Universitário de Voleibol. As minhotas, que marcaram presença nessa edição, conseguiram classificar-se em 10º lugar, o melhor resultado num europeu até essa data. Hoje, passados sete anos, a equipa agora liderada pelo Prof. Carlos Dias, garantiu desde já a sua presença entre as oito melhores universidades europeias. Com esta vitória por 3-0, e face ao quadro competitivo, a presença da AAUMinho na fase seguinte está garantida! Apesar da equipa ter entrado algo nervosa e cometido alguns erros no serviço e na receção, erros esses que permitiram algum equilíbrio na fase inicial do primeiro set. Após os devidos acertos e correções, o conjunto de Carlos Dias mostrou a sua superioridade e venceu este parcial por 25-16. Os restantes parciais terminaram respetivamente 25-10 e 25-16, o que garantiu a vitória e o respetivo apuramento. Para o técnico das minhotas este triunfo foi “muito importante, pois dá sempre muita confiança entrar com uma vitória numa competição internacional e em segundo porque nos garantiu a presença nos quartos-de-final!“ “Apesar de não ter sido um jogo bem conseguido na fase inicial, a vitória foi justa e muito importante para a dinâmica de grupo da equipa” rematou o treinador. Para Carlos Videira, Presidente da AAUM e chefe de delegação “é sempre importante começar com uma vitória, dá outra motivação e outra confiança para encarar os próximos jogos. Agora resta desfrutar desta vitória e começar a preparar os próximos dias, não esperamos facilidades mas vamos lutar com as armas que temos para dignificar a AAUM e UMinho, procurando a melhor classificação possível." O próximo adversário é o conjunto da Universidade de St. Gallen, Suiça. Fonte: SASUM Foto: Francisco Pereira

ofertas de emprego

Administrativo/a

- Formação em gestão ou economia ; - Elegibilidade para frequência de estágio profissional; - Residência na zona de Braga.

2012-03-19 13:44:32

Atendimento e esclarecimento telefónico ao consumidor.

Fluência Verbal em Francês (Conhecimentos Elevados) 12.º Ano de Escolaridade (Mínimo) Disponibilidade de Horário Full Time : horários rotativos semanalmente (07:00-16:00 / 08:00-17:00 / 09:00-18:00 / 10:00-19:00)

2011-10-18 17:14:07

Engenheiro(a) ou Engenheiro(a) Técnico(a) (preferência na área de obras públicas) (Estágio Profissional)

Residência no Distrito de Braga ;CAP V (Técnico Superior de Higiene, Saúde e Segurança no Trabalho) (factor preferencial).

2011-12-19 15:20:29

Marketing de Comunicação (m/f) (Especialização em Marketing e/ou Publicidade) para Braga (Estágio Profissional)

- Licenciatura Compatível (Se possível especialização na área de Marketing e/ou Publicidade); - Elegibilidade para Candidatura a Estágio Profissional; - Flexibilidade de Horário;

2012-03-19 13:44:14