Dádivas de Sangue: mais de duas centenas doaram em Azurém

Com um total de 197 dadores inscritos e seis recolhas de sangue para análise de medula, a comunidade académica mostrou-se solidária, nas primeiras Dádivas de Sangue de 2016, que tiveram lugar esta terça-feira, no Campus de Azurém da Universidade do Minho.

A iniciativa aproximou-se dos números da primeira colheita do ano letivo. Em setembro de 2015, Azurém registara um total de 196 dadores e 13 recolhas de sangue para análise de medula.

A campanha solidária realizada vai ajudar o Instituto Português do Sangue (IPS) e o Centro de Histocompatibilidade da Região Norte, com um aumento das reservas de sangue a nível nacional, bem como da base de dados de dadores de medula.

A ação repete-se na próxima terça-feira, 15 de março, no Campus de Gualtar da Universidade do Minho.

 

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?